HOME

NOTÍCIAS

Posse de Biden terá mais militares do que público

Posse de Biden terá mais militares do que público

EFE/EPA/MICHAEL REYNOLDS

A posse do 46º presidente dos Estados Unidos, por volta do meio-dia desta quarta, 20 de janeiro acontecerá de uma maneira diferente que Joe Biden, de 78 anos imaginou. De acordo com o site BBC, no lugar do mar de 200 mil pessoas, com bandeiras americanas e placas coloridas com seu nome, Biden verá as fardas verdes camufladas de parte do contingente de cerca de 25 mil agentes da Guarda Nacional que transformaram a capital americana em uma fortaleza, para viabilizar o evento. Verá ainda o histórico corredor do National Mall, no qual multidões presenciaram o início dos governos de Barack Obama e de Donald Trump, com escassos mil convidados e cercado por gradis e blocos de concreto. Desde a invasão no Congresso por pessoas que tentavam impedir a certificação dos votos do Colégio Eleitoral que deram a Biden a vitória a presidência, Washington D.C. está sob estado de emergência e nos dias que antecederam a posse foi se tornando em uma cidade sitiada, com militares acampados em parquinhos e praças, blindados fechando quarteirões, viaturas policiais sobre as calçadas, helicópteros continuamente sobrevoando a região. O FBI, órgão federal de investigação, colocou o país sob alerta máximo há uma semana. "Protestos armados estão sendo programados para os prédios legislativos dos 50 Estados entre 16 e 20 de janeiro, e o Capitólio americano de 17 a 20 de janeiro", afirmou o órgão em comunicado. Com informações publicadas pelo canal BBC

Redação