HOME

NOTÍCIAS

Sony confirma que deixará de vender produtos no Brasil

Sony confirma que deixará de vender produtos no Brasil

Divulgação

A Sony Brasil comunicou que irá encerrar suas atividades no país no final de março. Com isso TVs, câmeras digitais e equipamentos de áudio da marca deixarão de ser comercializados no Brasil. Como já estava previsto, as demais operações do grupo, que envolvem games, soluções profissionais, música e cinema, continuam. Quando anunciou o fechamento da fábrica na Zona Franca de Manaus (AM), em setembro, a marca afirmou em nota que a decisão foi tomada “considerando o ambiente recente de mercado e a tendência esperada para os negócios”. Em dezembro do ano passado, a Mondial, marca brasileira de eletrodomésticos portáteis, anunciou a compra da unidade da Sony na em Manaus. A aquisição inclui tanto o espaço quanto os equipamentos da marca japonesa. A empresa já possuía uma fábrica na região desde 2014, local onde são produzidos DVDs, caixas de som acústicas de média e alta potência, thunder, boombox e outros produtos de áudio e vídeo. Nos últimos anos, o grupo japonês estava perdendo terreno para as coreanas Samsung e LG por não conseguir adaptar seus produtos às tendências de mercado, principalmente voltados para conectividade, como aparelhos de som portátil com conexão via bluetooth e smart TVs. Lembrando que as divisões PlayStation, Sony Music, Sony Pictures e Soluções Profissionais permanecem atuantes no Brasil; segundo a Sony, "sem nenhuma mudança." O lançamento do PlayStation 5 no Brasil, portanto, permanece garantido; embora já se saiba que o novo console será vendido por aqui de forma importada. Publicado por nsctotal e paranaportal

Redação