HOME

NOTÍCIAS

Raízen passa a fornecer EcoÁlcool à toda linha de perfumaria do Grupo Boticário

Raízen passa a fornecer EcoÁlcool à toda linha de perfumaria do Grupo Boticário

Reprodução internet

A Raízen, empresa integrada de energia, referência na produção de biocombustíveis e bioeletricidade, e o Grupo Boticário estão ampliando a parceria para a utilização de EcoÁlcool na composição de 100% das linhas de fragrâncias de uma das principais empresas de beleza do Brasil e do mundo. Produzido a partir do bagaço, biomassa da cana-de-açúcar, o etanol de segunda geração (E2G), como é conhecido no setor sucroenergético, garante uma pegada de carbono 30% menor em relação ao álcool tradicional e vem se mostrando uma solução para atender à crescente demanda por fontes mais limpas. Desde 2019, a Raízen fornece o produto para a formulação dos itens de perfumaria da linha Nativa SPA, de O Boticário, sendo esses os primeiros cosméticos no Brasil a trazerem em sua composição um etanol mais sustentável. Agora, a parceria entre as empresas foi estendida buscando fazer com que as soluções produzidas na indústria alcancem, ainda mais, o consumidor final, gerando valor ao longo de toda a cadeia, já que produto produz até 50% mais etanol com a mesma área plantada. "O Grupo Boticário já era pioneiro em utilizar o EcoÁlcool em cosméticos no Brasil e agora amplia esse compromisso sustentável para todas as suas fragrâncias. Agora ampliamos o aproveitamento de forma integral da cana-de-açúcar, em um processo mais tecnológico e ecologicamente correto", comenta Rafael Müller, gerente de Pesquisa e Desenvolvimento do Grupo Boticário. Assim como a meta do Grupo Boticário é assegurar padrões de produção e de consumo sustentáveis, esta visão também permeia a atuação da Raízen, que acredita que a tecnologia seja responsável pelo uso mais eficiente da cana-de-açúcar, reduzindo os resíduos e aumentando os volumes de produção de etanol, seguindo os princípios de uma economia circular. Para a Raízen, a aposta nessa inovação faz parte de uma série de iniciativas da companhia, que tem como objetivo contribuir com os compromissos assumidos publicamente a serem atingidos até 2030, em linha com 14 dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), instituídos pela Organização das Nações Unidas (ONU). Assim como para o Grupo Boticário, que renova ano após ano seu compromisso com boas práticas ambientais na sua indústria. Sendo que em 2020, Artur Grynbaum, CEO da empresa, foi nomeado como porta-voz do ODS 12. De acordo com Francis Vernon Queen, vice-presidente de Etanol, Açúcar e Bioenergia da Raízen, alinhada aos compromissos ambientais, a companhia investirá continuamente em produtos renováveis com objetivo de mitigar os impactos das mudanças climáticas. "A valorização de fontes sustentáveis é uma resposta possível a uma necessidade mundial por transformação nos mais diversos setores. Nesse ponto, nossa atuação busca somar esforços com parceiros na oferta de soluções renováveis para os consumidores. O objetivo é prover alternativas viáveis para redução de emissões, impactando positivamente a sociedade", concluiu.

assessoria de imprensa Raízen