HOME

NOTÍCIAS

Natura inaugura central de compostagem de orgânicos

Natura inaugura central de compostagem de orgânicos

Divulgação

A Natura inaugurou em dezembro sua central de compostagem no Ecoparque, em Benevides (PA), com o objetivo de transformar os resíduos orgânicos em adubo para serem usados por agricultores da região. O projeto foi planejado para tratar até 12 toneladas por mês de resíduos, gerando 76 toneladas por ano de composto. As informações são do portal Espaço Ecológico. Para Sergio Talocchi, gerente de Meio Ambiente e Logística Reversa da Natura, a central de compostagem é uma oportunidade de incentivar as pessoas a reproduzirem a técnica em suas casas, empresas ou propriedades rurais. “As sobras de alimentos representam 50% dos resíduos domiciliares e costumam ser descartadas em aterros sanitários. Com essa iniciativa, o que antes viraria lixo pode contribuir para a agricultura ou jardinagem, retornando à natureza.” A iniciativa é resultado da parceria entre a companhia e a Morada da Floresta (empresa especializada em soluções socioambientais que incentivam práticas sustentáveis). Ela apresenta vários benefícios para o meio ambiente. Entre eles estão a redução da poluição ao diminuir a quantidade de resíduos orgânicos que é enviada para aterros, a nutrição da terra para o plantio e a diminuição da necessidade de utilizar herbicidas e pesticidas. Além disso, também se evitam queimadas. Para desenvolver o composto orgânico, são coletadas sobras de alimentos, tortas de filtro, podas de galhos, aparas do jardim e cinzas da queima de biomassa das caldeiras da fábrica. O que é produzido após o processo pode ser usado no cultivo de hortaliças, na produção de mudas e na adubação de plantas ornamentais e de espécies frutíferas e arbóreas. Publicado pela Redação Panorama Farmacêutico

Redação