HOME

NOTÍCIAS

Fundador do Alibaba não é visto em público há mais de dois meses

Fundador do Alibaba não é visto em público há mais de dois meses

Reprodução sunoresearch

O bilionário chinês Jack Ma não é visto em público há mais de doi meses, levantando suspeitas sobre ele estar desaparecido ou foragido, em meio a pressão da china sobre o fundador do Alibaba e do Ant Group. Reguladores chineses anunciaram uma investigação conta a Alibaba por supostas práticas monopolistas. A iniciativa veio semanas depois de a China suspender uma oferta pública inicial (IPO, na sigla em inglês) do Ant Group, afiliada de tecnologia financeira do Alibaba, em Hong Kong e em Xangai. Estimava-se que o IPO do Ant atingiria US$ 34 bilhões. As novas regras surgiram semanas depois de Ma criticar o sistema regulatório financeiro da China em uma conferência em Xangai, em outubro. “Acredito que o governo chinês interveio porque percebeu que tinha que regulamentar essas empresas, para que elas não ... ficassem grandes demais”, disse ele à CNBC . “O governo chinês está acordando para o fato de que não pode permitir que essas empresas dominem um determinado setor, principalmente o financeiro.” As autoridades chinesas lançaram uma investigação antimonopólio sobre o Alibaba no final de dezembro e disseram ao Ant Group para reestruturar suas operações. Jack Ma também não apareceu no show de talentos criado por ele. O empresário foi substituído no “Africa’s Business Heroes” e não participou das últimas gravações da temporada do programa que dá a novos empreendedores africanos a chance de competir por uma fatia US $ 1,5 milhão. Um porta-voz do Alibaba disse que Ma não pôde participar do painel de jurados “devido a um conflito de agenda”, de acordo com o Financial Times O último tweet de Ma foi em 10 de outubro do ano passado.

Redação