HOME

NOTÍCIAS

Vendas de automóveis da Fiat Chrysler nos EUA caíram 17,4% em 2020

Vendas de automóveis da Fiat Chrysler nos EUA caíram 17,4% em 2020

Reprodução internet

A Fiat Chrysler reduziu suas perdas de vendas no quarto trimestre, mas não o suficiente para evitar o que se espera que seja uma das piores quedas na indústria automobilística em 2020. As vendas da montadora ítalo-americana nos Estados Unidos caíram 17,4% no ano passado em comparação com 2019, disse a empresa. As vendas não foram tão ruins no quarto trimestre, caindo 7,9% em comparação com o mesmo período de 2019. Isso é pior do que o resto da indústria, que deve registrar uma queda de 15% nas vendas no ano passado devido à pandemia do coronavírus uma vez que todas as montadoras divulgam seus resultados de vendas. A Fiat Chrysler disse que sua queda nas vendas se deveu em grande parte à redução nas vendas para clientes da frota comercial. As vendas do quarto trimestre para clientes de varejo na verdade aumentaram um pouco, em 1%. A empresa se recusou a divulgar suas vendas no varejo ou vendas de frotas para o ano. Houve poucos pontos positivos para as vendas da Fiat Chrysler em 2020. Seu nicho da marca italiana de luxo Alfa Romeo foi a única divisão a relatar um aumento no ano, de 1,6%. Além de um aumento de 8,9% para o crossover Alfa Romeo Stelvio e quase dobrando as vendas da picape Jeep Gladiator, todos os outros veículos da linha de seis marcas da montadora caíram durante o ano. As vendas de sua importante picape Ram encerraram o ano passado com queda de 11,1% em comparação com 2019. “O quarto trimestre forneceu um forte trampolim para 2021. Olhando para o futuro, prevemos um ano emocionante que incluirá uma variedade de novos veículos”, disse Jeff Kommor, chefe de vendas da Fiat Chrysler nos EUA, em um comunicado. Publicado pelo canal americano CNBC

Redação