HOME

NOTÍCIAS

Rappi lança plataforma de bem-estar da Mude no superapp

Rappi lança plataforma de bem-estar da Mude no superapp

Divulgação

O Rappi anuncia o lançamento de uma plataforma de bem-estar em parceria com a Mude dentro do superapp. Ao acessar a recém-lançada vertical "Rappi Entertainment", o usuário tem agora a possibilidade de manter a saúde em dia por meio de aulas on-line. Em outro botão, chamado "Fitness&Yoga", é possível fazer a reserva para participar de aulas presenciais de yoga, meditação e musculação, tudo sem nenhum custo. O agendamento das aulas e a reserva dos espaços podem ser feitos tanto no Rappi quanto no app da Mude. As aulas presenciais de fitness e yoga são coletivas e acontecem ao ar livre no Rio de Janeiro (RJ), em locais aprovados pela prefeitura. Cada sessão conta com a presença de um público reduzido e lugares marcados no chão, com o objetivo de manter um distanciamento seguro entre os praticantes. O controle de acesso é feito por ambos os aplicativos. Já as aulas virtuais podem ser seguidas por qualquer pessoa em todo o Brasil. As estações de ginástica gratuitas ao longo de toda a orla e Lagoa, no Rio, e em Curitiba, também contam com o apoio do Rappi. "A nova plataforma de wellness chega para aumentar o alcance das aulas físicas a um público muito mais amplo que já está dentro do superapp", afirma Fernando Vilela, diretor de Estratégia do Rappi. "As aulas digitais são especialmente úteis e convenientes para quem deseja manter a forma sem sair de casa devido às atuais restrições de atividades impostas pela pandemia." Segundo Marcos Vieira, Diretor Comercial da Mude, a novidade surgiu por meio de um projeto para mídia OOH (Out of Home) nas estações da Mude, com ativações via aulas físicas e VOD (Video on Demand) que seriam ofertados pela plataforma do Rappi e da Mude neste projeto de co-branding. "Pelo Rappi é possível que o usuário assista às lives da Mude patrocinadas pelo superapp e agende uma aula física", explica Marcos. De acordo com o executivo, a previsão é de que o projeto dure inicialmente dois meses, podendo se prolongar. Em 2019, foram realizadas cerca de 400 aulas presenciais por mês em estações instaladas no Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília e Florianópolis.

assessoria de imprensa