HOME

NOTÍCIAS

Pesquisa aponta que riqueza total dos bilionários atinge recorde durante a crise

Pesquisa aponta que riqueza total dos bilionários atinge recorde durante a crise

sunoresearch

De acordo com uma nova pesquisa, a riqueza dos bilionários aumentou mais de um quarto durante o auge da crise gerada pelo coronavírus. Com uma recuperação nos mercados de ações a riqueza dos mais ricos do mundo ultrapassou a marca de US$ 10 trilhões pela primeira vez. O estudo chamado “Riding the storm” , publicado pelo banco suíço UBS e pela empresa de contabilidade PwC, afirmou que a riqueza dos bilionários globais subiu para US$ 10,2 trilhões entre abril e julho desde ano, ante a US$ 8 trilhões no início de abril. Isso refletiu um aumento na riqueza de 27,5% e superou o pico anterior de US $ 8,9 trilhões registrado no final de 2017. O número de bilionários em todo o mundo também atingiu um novo recorde de 2.189, em comparação com o recorde anterior de 2.158 em 2017. O UBS e a PwC disseram que o relatório cobriu mais de 2.000 bilionários de 43 mercados em todo o mundo e representou cerca de 98% da riqueza total dos bilionários. Entre 7 de abril e 31 de julho deste ano, o relatório descobriu que bilionários em todos os setores viram sua riqueza aumentar em dois dígitos, com os dos setores industrial, de tecnologia e de saúde registrando um crescimento entre 36% e 44%. Foi nessa época que muitos países ao redor do mundo agiram para impor medidas para conter a propagação do coronavírus, com milhões de pessoas perdendo seus empregos e lutando para lidar com os esquemas governamentais. “Os industriais se beneficiaram desproporcionalmente, pois os mercados precificaram uma recuperação econômica significativa, enquanto as empresas de tecnologia tiveram um bom desempenho devido à demanda induzida pela corona por seus bens e serviços, e os mercados descontando o valor de seus fluxos de caixa futuros em um ambiente de baixa taxa de juros”. disse o relatório.

Da Redação