HOME

NOTÍCIAS

Clube Villarreal CF abre academia no Canadá e continua expansão internacional

Clube Villarreal CF abre academia no Canadá e continua expansão internacional

Divulgação

A academia de juniores do Villarreal CF não só produziu uma série de talentos como jogador, como também está permitindo ao clube desenvolver sua estratégia de internacionalização de marca. Há pouco menos de um ano, o clube apelidado de Submarino Amarelo chegou a Miami - em parceria com a LaLiga - para ajudar a promover a metodologia de treinamento do clube com o projeto da Academia Villarreal. Organizando uma série de eventos exclusivos na cidade e recebendo grande atenção da mídia, a iniciativa mostrou como o futebol juvenil pode ajudar a definir a marca do clube e expandir seu público internacional. Este empreendimento é apenas um exemplo do esforço global que o clube está fazendo para promover o futebol de base, ajudar os jovens jogadores a se aprimorar e gerar crescimento comercial. Sua última escola de futebol acaba de ser inaugurada em Montreal, no Canadá, elevando o número total de academias do Villarreal CF ao redor do mundo para 22 - sendo nove nos EUA, duas no Canadá e outras espalhadas por Suécia, Argentina, Austrália, Coreia do Sul, China e Japão. Como explicou Juan Antón de Salas, diretor internacional do clube: "Sabemos que nossa academia é uma mais-valia, e que as pessoas sabem que é uma das melhores da Espanha. Nosso grupo de academia é um dos maiores no sentido recreativo, onde cada centro faz certas coisas à sua maneira, dependendo da região. Vivemos em um mundo onde muitas escolas de futebol estão sendo fechadas e onde restam apenas as profissionais, então acreditamos que devemos desenvolver este projeto o máximo possível porque é uma forma de nos conectarmos com várias comunidades". RELEVÂNCIA HISTÓRICA DA AMÉRICA DO NORTE PARA O CLUBE O Villarreal CF tem atualmente a maior presença no exterior na América do Norte, tanto em termos de centros acadêmicos internacionais quanto em eventos de clubes. A equipe que atualmente disputa a LaLiga Santander opera unidades localizadas em Porto Rico, Carolina do Norte, Virgínia, Nebraska, Nova York, Nevada, Texas, Flórida e Maryland. "Os jogadores norte-americanos muitas vezes têm origem latino-americana ou europeia, por isso têm fortes ligações com o futebol", explicou Antón. "Em termos de jogadores inscritos, é uma região com muitos atletas de futebol. Esses jovens desejam melhorar dentro de um sistema diferente do que estão acostumados. Isso tornou mais natural para nós nos estabelecermos nesse mercado". "O Villarreal CF tem uma tradição de contratar jogadores norte-americanos, desde o ítalo-americano Giuseppe Rossi a Jozy Altidore, que foi contratado por uma taxa de transferência recorde da MLS quando tinha 18 anos", continuou. "Mais recentemente, tivemos Mukwelle Akale, de Minnesota, em nossa equipe B. De todos os nossos mercados internacionais, esta é a região onde estamos mais ativos e agora temos a Copa do Mundo da América do Norte de 2026 no horizonte". EXPANSÃO GLOBAL EM CONJUNTO COM A LALIGA O crescimento internacional do clube está intimamente ligado à própria expansão da LaLiga em todo o mundo. "Quando os jovens das nossas academias nos EUA assinam com a do Villarreal CF, estão em parte a assinar com a academia da LaLiga", disse Antón. "Estamos alinhados com a expansão internacional da LaLiga e tentamos fazê-lo com as melhores ferramentas possíveis. Para nós, uma forma pela qual pensamos poder apoiar a marca internacional da liga é participando em projetos de formação e fazendo-o com a proximidade que distingue o Villarreal CF", acrescentou. Existem dois modelos de academia na rede Villarreal CF: escolas afiliadas e parceiros oficiais. Para escolher os melhores parceiros, o clube avalia a cadeia de valor de um parceiro local e procura garantir que a relação entre o ele e o Villarreal CF seja positiva para ambas as partes. Para o clube, trata-se de respeitar os valores da marca LaLiga e da marca Villarreal CF, além de estar presente num local onde as coisas são feitas de uma determinada forma. "Quando a LaLiga pede ao clube para participar de um projeto, estamos sempre presentes porque vemos o enorme trabalho que está sendo feito pela LaLiga e como o dinheiro dos direitos de TV aumenta a cada ano", disse Antón. "Nossa maneira de contribuir para esse impulso é continuar trabalhando juntos". COMUNIDADE COMO UM ATIVO DE NEGÓCIOS Este relacionamento estreito com os parceiros foi demonstrado durante a quarentena do COVID-19, quando o clube trouxe todos os treinadores que estavam no exterior de volta à Espanha. O ‘teletrabalho’ manteve o contato e foram realizadas oficinas com os pais das crianças matriculadas nas diversas academias. "Os pais apreciaram nossa preocupação e o fato de termos explicado maneiras de continuar a formação, para que eles pudessem aplicar isso aos seus filhos", lembrou Antón. "Os negócios são importantes, mas é essencial que a presença do Villarreal CF e da LaLiga seja positiva", acrescentou. O clube vê a comunidade como um bem de negócios, e Antón acredita que isso ajuda a atrair jovens para as ofertas do clube. "Esperamos que quando alguém não tiver certeza sobre qual academia ingressar e quando uma das opções for uma academia do Villarreal CF, eles escolham a nossa, porque sabem que serão bem tratados e que nos concentraremos neles, em sua educação e suas chances de ir para a Espanha", disse. Para demonstrar a ligação do clube com os jogadores da academia, Antón deu o exemplo de Fernando Niño, titular que sofreu uma lesão nos ligamentos aos 17 anos - ao mesmo tempo em que um jogador da academia do Norte do Texas sofreu a mesma lesão. "O que fizemos foi colocar os dois jogadores em contato para que Fernando pudesse expressar seu apoio e contar sua história de como superou a lesão para chegar à equipe principal", explicou Antón. "Essa conexão e proximidade são uma mais-valia de nossas academias". ÁSIA: OUTRO MERCADO DE INTERESSE PARA O VILLARREAL CF Marcas e patrocinadores da China também se interessaram pelo Villarreal CF, por causa da metodologia de treinamento do clube - que já possui nove anos de experiência e relacionamento com o país asiático. O Submarino Amarelo, aliás, está presente de várias maneiras na China, incluindo três escolas que ele opera por meio da Wanda, uma das parceiras do grupo. Villarreal CF tem uma conta no site de mídia social chinês Weibo, com mais de 800.000 seguidores, uma das maiores fanbases do país, entre todos os clubes da Espanha. "Isso não se consegue apenas por ter uma academia lá", afirmou Antón. "Isso é alcançado por meio da proximidade e das oportunidades que tivemos de interagir com a China. Temos um programa de treinamento, mas também participamos de muitos eventos. Por exemplo, tivemos um jogador da equipe de Sub-23 da China que visitou nossas instalações, recebeu tratamento médico e treinou conosco". No resto da Ásia, o clube está presente em cinco cidades diferentes da Coreia do Sul, com programas de treinamento e eventos realizados em parceria com uma academia local. No Japão, dirige uma escola afiliada oficial e recentemente ganhou um perfil adicional, através da assinatura do empréstimo de Takefusa Kubo do Real Madrid. Como disse Antón: "Isso fez com que houvesse grande interesse do Japão durante a pré-temporada, com muito interesse dos jovens. Também temos um jogador sul-coreano em nossa equipe B e um jogador chinês em nossa equipe C. Isso ajuda o clube a enviar mensagens positivas e ajuda a marca LaLiga a continuar a aumentar sua presença e a olhar para o futuro na Ásia". UM PLANO SOB MEDIDA PARA CADA ACADEMIA A metodologia usada pelo Villarreal CF nas academias do clube pode ser muito específica para cada centro, com metodologia aplicada a estilos de jogo e culturas locais. Como tal, a abordagem do clube é adaptável com base em cada comunidade e região, a fim de maximizar os benefícios da presença do Villarreal CF. Como ferramenta de internacionalização, as academias são tratadas como se fossem filiais do Villarreal CF. Do presidente ao mais novo funcionário, o objetivo é ser um clube aberto e destacar o que o clube faz bem para que outros possam seguir o mesmo caminho. "O clube sempre fará o possível para que, quem queira se envolver com o futebol, saiba que o melhor futebol do mundo se joga na LaLiga e com o Villarreal CF, e que se aprende e se aprimora aproximando-se dessas duas marcas", concluiu Antón.

assessoria de imprensa LaLiga