Credítos: gpointstudio
Eternit apresenta as primeiras telhas fotovoltaicas do Brasil na Intersolar South América
A Eternit - companhia especializada no fornecimento de matérias-primas, produtos e soluções para o setor de construção civil, e líder de mercado no segmento de coberturas - está presente, mais uma vez, na Intersolar South América, a maior feira da América Latina voltada à área de energia solar, que acontece no Expo Center Norte, em São Paulo, de 18 a 20 de outubro. A participação da empresa acontece dois meses depois do início da comercialização de suas telhas fotovoltaicas da marca Tégula Solar para clientes selecionados – vendas mais amplas e em volume crescente acontecerão nos próximos meses. A tecnologia, que vinha sendo desenvolvida desde 2019 pela companhia, será exposta no estande D1.70. Capaz de transformar energia solar em elétrica, o produto é inédito no mercado brasileiro e passou por rigorosos testes de qualidade até alcançar o resultado esperado. “Queremos democratizar o acesso à energia elétrica originada a partir de fontes renováveis no Brasil, através de uma tecnologia revolucionária que pode gerar retornos sobre o investimento em um período de 3 a 5 anos”, destaca o presidente do Grupo Eternit, Luís Augusto Barbosa. Aprovada e registrada pelo Inmetro desde 2019, a telha Tégula Solar mede 36,5 cm por 47,5 cm e é composta de concreto, com a incorporação de células fotovoltaicas em sua superfície. Possui uma potência de 9,16 watts, o que representa uma capacidade média mensal de produção de 1,15 Kwh, com vida útil estimada em 20 anos. “O Grupo Eternit aposta no imenso potencial de mercado da nova telha fotovoltaica em todo o país. Seus diferenciais são únicos no mundo, por ser um produto de alto valor agregado, fácil instalação, seguro e mais disruptivo do que as soluções atuais a partir de um modelo esteticamente avançado. Foram três anos de testes e de adaptações para chegarmos ao modelo ideal, com as células fotovoltaicas integradas no material. No caso da Tégula Solar, aplicadas diretamente no concreto respeitando o formato em curvas das telhas. O efeito visual fica muito bonito”, diz Luiz Antonio Lopes, responsável pela área de Desenvolvimento de Novos Negócios da Eternit. Nova linha fotovoltaica Também está em destaque na feira ao grande público a Eternit Solar, telha fotovoltaica no formato ondulado de fibrocimento. Esta nova linha está em fase final de desenvolvimento para futura homologação e a expectativa é de que a comercialização inicie no primeiro semestre de 2022. “A Eternit Solar será uma solução econômica, que poderá ser instalada em casas populares, comunidades, galpões e outras construções sem telhado aparente. Pequenos comércios e mesmo locais públicos como escolas e postos de saúde são exemplos de potenciais clientes, mostrando que essa poderá ser uma fonte de economia também para o Poder Público”, afirma Luiz Lopes. Sobre a Eternit Fundada há mais de 80 anos, a Eternit é uma companhia brasileira de capital aberto especializada no fornecimento de matérias-primas, produtos e soluções para o setor de construção civil, e líder de mercado no segmento de coberturas. Conta com cerca de 1.500 colaboradores e unidades de produção em seis estados (São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Goiás, Bahia e Amazonas), além de 15 mil revendedores com presença em todo o território nacional. Com foco em inovação e sustentabilidade, a empresa desenvolveu a primeira geração de telhas fotovoltaicas do país aprovada pelo Inmetro, com células de captação de energia do sol aplicadas diretamente no formato ondulado da telha de concreto (Tégula Solar) e de fibrocimento (Eternit Solar). A comercialização do primeiro modelo está prevista para o segundo semestre de 2021. As ações da companhia são cotadas desde 1948 na Bolsa de Valores de São Paulo (B3) e, desde 2006, fazem parte do Novo Mercado, que agrupa as empresas com mais alto nível de governança corporativa. Site: www.eternit.com.br.
Fonte: Por Assessoria de Imprensa