Credítos: freepik
Mercado Pet: como as empresas se reinventaram para driblar os desafios logísticos na pandemia
Com a pandemia causada pela Covid-19, muitas empresas precisaram se reinventar ao se depararem com grandes desafios logísticos, sobretudo aquelas que já atendiam o mercado internacional. Neste cenário, algumas companhias buscaram novos caminhos para manter as exportações, como é o caso da brasileira Petfive, líder em vendas de areias higiênicas biodegradáveis no Brasil, que exporta para mais de 15 países. Através da diversificação de parceiros na cadeia logística, a empresa não apenas manteve os compromissos com os clientes como também manteve o plano de captação de novos distribuidores internacionais. Se, por um lado, a pandemia trouxe aumento de demanda, já que as pessoas ficaram mais tempo em casa e, consequentemente, mais próximas de seus gatos e caixas de areia, do outro faltavam insumos básicos para toda a cadeia de suprimentos no país, tais como plástico e papelão. “A alternativa foi focar numa estratégia de descentralizar a obtenção de insumos, trabalhando com uma maior quantidade de fornecedores, garantindo que nossa produção não precisasse parar nenhum dia”, explica Paula Allevato, Head de Operações da Petfive. Logística internacional - Trabalhar com clientes internacionais exige um desafio logístico constante em relação a manter boas parcerias com agentes de cargas e armadores. Contudo, a chegada da Covid-19 trouxe novos obstáculos, como a falta de navios e espaços para carga, falta de equipamentos, superlotação de portos, gerando atrasos de até quatro meses. Além disso, o impacto do coronavírus no processo de logística internacional gerou a oscilação de preços. “Chegamos a ter mais de 300% de aumento acumulado nos preços do transporte marítimo”, contabiliza Allevato. “Para transporte terrestre, houve um pequeno aumento desencadeado pela alta dos combustíveis, mas a alta no transporte marítimo foi o fator que mais impactou o mercado, não só no Brasil, mas em termos mundiais”, pontua a Head de Operações da Petfive. Atualmente, as exportações representam mais da metade do volume de vendas da Petfive, com as vendas nacionais registrando um aumento superior a 200% nos últimos 12 meses. Em 2021, a empresa encerrou o ano com a marca de 636 contêineres exportados desde o início da operação internacional. Para 2022, o objetivo é fortalecer ainda mais a relação no mercado asiático e abrir presença forte na Europa, dando a chance de pais e mães de gatos de países como Alemanha, Espanha, Itália, Rússia, Polônia, Portugal etc, poderem levar as marcas Sustainably Yours e Viva Verde! para seus lares.
Fonte: Assessoria