HOME

NOTÍCIAS

China parabeniza Biden pela vitória nas eleições dos EUA

China parabeniza Biden pela vitória nas eleições dos EUA

Reprodução

A China parabeniza o democrata Joe Biden, após quase uma semana, pela vitória na eleição presidencial dos Estados Unidos. A mensagem do Ministério das Relações Exteriores chinês diz que o país respeita a escolha do povo americano e envia felicitações para Joe Biden e a vice Kamala Harris. “Respeitamos a escolha do povo americano”, disse o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores, Wang Wenbin. “Parabenizamos o Sr. Biden e a Sra. Harris.” A China, junto com a Rússia, evitou juntar-se à multidão que parabenizou Biden, depois que ele e sua companheira de chapa à vice-presidência, Kamala Harris, garantiram votos suficientes no Colégio Eleitoral para destituir o presidente Donald Trump. Wang não deu motivos para o atraso, mas disse: “o resultado será confirmado de acordo com as leis e procedimentos dos EUA”. Em um comunicado, a Agência de Segurança Cibernética e Infraestrutura, que faz parte do próprio governo Trump, apontou a eleição de 2020 como a mais segura da história americana, porém, o republicano ainda se recusa a aceitar a derrota e acusa, sem provas, que houve fraude na votação. Sobre o relacionamento entre os dois países, alguns analistas sugerem que a mudança de Trump, que rejeitou alianças multilaterais, para Biden pode aumentar a pressão sobre a China se Washington formar uma coalizão com outros países desenvolvidos para pressionar por mudanças políticas. Ainda espera-se que Biden tente retomar a cooperação com Pequim sobre mudança climática, Coréia do Norte, Irã e o coronavírus. O analistas dizem que Biden pode seguir uma política mais tradicional e previsível em relação à China. No entanto, economistas e analistas políticos esperam poucas grandes mudanças devido à frustração generalizada com o histórico de comércio e direitos humanos de Pequim e acusações de espionagem e roubo de tecnologia.

Da Redação