HOME

NOTÍCIAS

Evento do Sebrae Conecta Destinos fala sobre turismo

Evento do Sebrae Conecta Destinos fala sobre turismo

Imagem de Pam Patterson por Pixabay

Sebrae Conecta Destinos: consumidor de turismo está mais conectado e exigente Evento online segue até quinta-feira, dia 3, com discussões sobre roteirização, promoção, comercialização e práticas de retomada Evento Online promovido pelo Sebrae, teve início nesta segunda-feira (31), e segue até quinta-feira (3), apresentando as principais tendências e práticas do setor. Um consumidor de turismo mais conectado e exigente foi um dos temas abordados no primeiro dia do Sebrae Conecta Destinos. O evento é gratuito e as inscrições seguem abertas. No primeiro painel do evento, "Construção de destinos inteligentes", Marta Poggi, do blog Agente do Turismo, demonstrou o perfil do viajante digitalizado, um consumidor de turismo muito mais conectado e exigente. Segundo ela, esse tipo de turista entende a importância da sustentabilidade, das medidas de segurança e do apoio aos pequenos comércios do local que está visitando. "Neste momento, esse perfil de cliente tornou-se cada vez mais digitalizado, aproveitando cada vez as experiências híbridas, sendo online e off-line. Exemplos disso são lives de chefs de cozinha que as pessoas recebem os ingredientes para preparar o mesmo prato que será apresentado", exemplificou Marta. Ao comentar sobre como é possível transformar as localizações em destinos inteligentes, Marta destacou, principalmente, a experiência. Segundo dados do Airbnb apresentados por ela, cerca de 52% dos turistas já buscam "um algo a mais além de apenas observar" em suas visitas. Entre os cases apresentados estavam casas foras do comum, degustação de cervejas e vinhos em localidades estratégicas e, até mesmo, a visita a plantações de produtos típicos das regiões. O painel finalizou com uma abordagem de como as tecnologias podem ser implementadas não apenas para melhorar o conforto dos viajantes, mas também para conseguir aplicar as recomendações de segurança trazidas com a pandemia, além de uma noção mais palpável do turismo sustentável. Sâmia Borges, consultora do Sebrae Guaratinguetá, apresentou o painel "Como formatar destinos inteligentes". Segundo a consultora, a experiência do turista começa muito antes da escolha do local da viagem. "Se a região não se preparar para receber o turista, ele poderá perder a competitividade para outros destinos", afirmou. O tema também explorou mais sobre a experiência do viajante, como citado por Marta no painel anterior. "O turista 4.0 quer estar no protagonismo de suas viagens, poder vivenciar as experiências e, assim, tornar-se um propagador do destino nas redes sociais", complementou Sâmia. O Sebrae Conecta Destinos fechou o dia com a apresentação de dois destinos brasileiros. Os convidados foram Rafael Carniel, da Gramado Tur, e Bruno Miranda, do Parque Ecológico Rio Formoso, em Bonito, no Mato Grosso do Sul. Além disso, também estava presente Erika Miguel, especialista em turismo do Sebrae. Ao comentar sobre como Gramado tem se preparado para ser um destino mais inteligente, Rafael Carniel citou as mudanças que o local deve passar nos próximos anos. "Temos trabalhado em cima de três grandes grupos: a experiência do visitante, sendo aquilo que o visitante deseja ter em Gramado; a sustentabilidade, que envolve nosso pilar social e ambiental; e a aplicação de tecnologia, que envolve o uso de Big Data Analytics, que talvez seja nosso processo mais ambicioso até aqui", informou. Bruno Miranda citou como trabalhar com tecnologia e experiência ajudou a alcançar premiações para Bonito. "A implementação de um planejamento técnico bem definido e uma execução impecável permitiram que pudéssemos equiparar a qualidade das tecnologias utilizadas com a sustentabilidade para formar a experiência dos viajantes", complementou. Segundo Tirso Meirelles, presidente do Sebrae-SP, outros setores produtivos começaram a retomada gradual e chegou a hora dos destinos turísticos também aproveitaram esse movimento. "O trabalho do Sebrae é levar para todas as regiões os vetores de desenvolvimento da cadeia produtiva, que envolve o agronegócio, o comércio, os serviços e a indústria. Juntos, esses pilares podem fortalecer os diferentes tipos de destinos turísticos, trazendo oportunidades para progresso local e regional", afirmou Meirelles. O Sebrae Conecta Destinos segue até quinta-feira, dia 3 de setembro, com as lives começando sempre às 17h. Para se inscrever e receber todos os materiais do evento, acesse: http://sebrae.contatosebraesp.com.br/conectadestinos.

Assessoria Sebrae