HOME

NOTÍCIAS

Bill Gates diz que seis vacinas Covid podem estar disponíveis em 2021

Bill Gates diz que seis vacinas Covid podem estar disponíveis em 2021

Reprodução olhardigital

Bill Gates previu que poderia haver até meia dúzia de vacinas Covid-19 aprovadas e prontas para distribuição na primavera de 2021, à medida que os avanços médicos para combater o coronavírus aumentassem. “Espero que tenhamos cerca de seis vacinas aprovadas até o primeiro trimestre”, disse Gates, falando virtualmente no Singapore FinTech Festival. Além da vacina Pfizer - BioNTech já aprovada seletivamente , Gates disse que os candidatos da Moderna , AstraZeneca , Johnson & Johnson e Novavax provavelmente também receberão autorização nos próximos meses. Ele não citou uma sexta fonte de vacina. Na semana passada, o Reino Unido se tornou o primeiro país a aprovar o uso emergencial da vacina Pfizer-BioNTech , e já iniciou sua campanha de vacinação. A Food and Drug Administration dos EUA deve votar sua aprovação ainda esse ano de 2020. Gates - cuja organização sem fins lucrativos de mesmo nome, a Fundação Bill & Melinda Gates, há muito defende os desenvolvimentos globais de saúde, incluindo vacinações - parabenizou os reguladores em países desenvolvidos por seu rápido progresso . “Os reguladores ocidentais estão fazendo um ótimo trabalho”, disse ele. “Eles realizaram esses testes de fase três de uma forma incrivelmente profissional, procurando por quaisquer efeitos colaterais, observando a eficácia.” Mesmo assim, Gates observou que ainda há muito trabalho a ser feito, inclusive por organizações como a sua, para garantir que as vacinas sejam distribuídas de forma justa a todos os países, especialmente os menos desenvolvidos. “Precisamos ter certeza de que iremos (distribuir) de uma forma um tanto equitativa, não é o quão rico você é que determina se você terá acesso a essa vacina”, disse Gates. A Fundação Bill & Melinda Gates já está trabalhando com o Serum Institute da Índia, o maior produtor de vacinas do mundo em volume, para começar a fabricar e distribuir a vacina candidata Covid-19 da AstraZeneca nacionalmente. Um acordo semelhante será feito com o Serum para a vacina Novavax, disse Gates, enquanto um fabricante separado será encontrado para o candidato da Johnson & Johnson, uma vez aprovado. Todos os três candidatos contam com a tecnologia de vacina tradicional, o que significa que podem ser desenvolvidos e armazenados a um custo relativamente mais baixo e com menos dificuldade do que suas contrapartes da Pfizer e Moderna. Isso os torna opções mais adequadas para distribuição entre as nações menos ricas. “O objetivo é tirar essas coisas o máximo possível em 2021, então mesmo nos países em desenvolvimento, a pandemia acabou em 2022”, disse Gates. Divulgado pelo canal americano cnbc

Da Redação