HOME

NOTÍCIAS

Parcerias da Petrobras com Hospital das Clínicas da USP e SENAI recebem prêmios

Parcerias da Petrobras com Hospital das Clínicas da USP e SENAI recebem prêmios

Reprodução inforchannel

As parcerias da Petrobras com o SENAI e o Hospital das Clínicas da USP para combater o coronavírus foram reconhecidas por premiações nacionais – e confirmam que o esforço coletivo das instituições tem sido crucial no enfrentamento à doença. A iniciativa do SENAI para recuperar ventiladores pulmonares – apoiada pela Petrobras e outras empresas - recebeu o Prêmio Empreendedor Social do Ano da Folha de São Paulo e da Fundação Schwab (ligada ao Fórum Econômico Mundial). Outro projeto reconhecido foi a plataforma de inteligência artificial RadVid19, desenvolvida pelo Instituto de Radiologia da USP e pelo InovaHC – braço de inovação do Hospital das Clínicas. Fruto de parceria com a Petrobras e outras instituições, o sistema detecta a Covid-19 em exames de radiografia e tomografias computadorizadas. A iniciativa ganhou o Prêmio Abril/Dasa como o melhor projeto na categoria Medicina Diagnóstica. Os dois projetos receberam apoio financeiro e técnico da equipe científica de combate ao coronavírus da Petrobras, dedicada a desenvolver soluções em conjunto com outras empresas e instituições para enfrentamento à pandemia. “Nesse cenário desafiador, reunimos uma equipe de especialistas que, em parceria com grandes instituições, não mediu esforços para desenvolver iniciativas capazes de auxiliar a Petrobras e toda a sociedade contra um inimigo comum (Covid-19). Tivemos que acelerar nossos processos, pensar fora da caixa e buscar alternativas, criando um ambiente de colaboração, com muita inovação, entregando soluções para combater essa pandemia. Temos muito orgulho pelos resultados alcançados”, disse o Diretor de Inovação e Transformação Digital da companhia, Nicolas Simone. Resultados dos Projetos A plataforma de I.A. RadVid19 recebeu, até o momento, mais de 33 mil acessos de médicos e analisou mais de 24 mil exames de radiografia e tomografia de tórax. Com 49 hospitais de todo país cadastrados, o sistema é capaz de identificar indícios da doença a partir de algoritmos treinados, auxiliando a tomada de decisão dos médicos sobre o tratamento aos pacientes. A iniciativa liderada pelo SENAI, que teve parceria da Petrobras, já recuperou mais de 2400 ventiladores pulmonares em todo Brasil – e ajudou a salvar 24 mil vidas, segundo cálculos da instituição. Depois de consertados, os equipamentos são devolvidos aos hospitais. Frente Científica de Combate ao Coronavírus Os projetos foram apoiados pela Equipe Científica de Resposta (ECR) da Petrobras, que reuniu um time de especialistas da companhia para desenvolver soluções de base tecnológica no combate ao coronavírus – em parceria com universidades, instituições de pesquisa e empresas de todo país.

assessoria de imprensa Petrobras