HOME

NOTÍCIAS

Cash.in lança o Peru Digital como alternativa às cestas de fim de ano

Cash.in lança o Peru Digital como alternativa às cestas de fim de ano

cottonbro no Pexels

Já é tradição as empresas presentearem seus colaboradores e parceiros no fim de ano com uma cesta de natal ou peru para as ceias. Diante do isolamento social, no qual muitas delas estão operando remotamente, a solução encontrada foi o "Peru Digital", como a Cash.in, carteira digital brasileira, está chamando. A fintech, que otimiza o pagamento de bônus e premiações, sentiu uma alta demanda por esse tipo de incentivo agora no último mês de 2020. "Reduzimos a logística e esforço dos funcionários que precisam carregar suas cestas de Natal no transporte público, assim como as empresas que estão com 90% das operações em home office, iriam ter um grande custo e mão de obra para entregar esses presentes, como o peru. Então, através da Cash.in, encontraram uma forma de promover esse bônus em valores transferidos na plataforma. E muitos usuários acabam utilizando não apenas para as compras das ceias, mas também para pagar aquela conta atrasada, já que nossa plataforma também proporciona essa opção", diz Nani Gordon, CEO e co-fundadora da Cash.in. Além de beneficiar os colaboradores, promovendo mais autonomia para que eles utilizem o valor como quiserem (em transferências, saques em Lotéricas, pagamento de boletos ou resgate de cupom de lojas), a ação segue a tendência de mudanças de comportamento da sociedade, inclusive com a redução do consumo de carnes. Expectativa para 2021 Em 2020, a Cash.in cresceu 309% em relação ao ano anterior e tem planos de expandir ainda mais em 2021. A startup inicia agora em dezembro, uma rodada de captação de investidores e pretende aumentar para 589% o número de empresas cadastradas em sua base no próximo ano. Neste ano, mesmo em um período de crise, foram transacionados cerca de 10 milhões de reais dentro da plataforma, que possui mais de 10.000 mil usuários em sua base.

assessoria de imprensa Cash.In